19 janeiro 2017

Novidades: Chiado Editora | Janeiro 2017.

Oi, gente. Tudo bem?
Recebi um e-mail da Chiado Editora com os lançamentos e novidades do mês, então trouxe para vocês os que mais me chamaram a atenção. Bora conferir! 

A Reportagem
Autora: Bettina Muradás
Págins: 406
Gênero: Romance.

Mulher sensual e jornalista competente, Gisele Coelho recebe uma informação e segue seus instintos.
Vai aos Estados Unidos em busca de uma grande história. O advogado Matthew Newman é o agente especializado em perseguir rastros de fraudes financeiras contratado por ela.
Divididos entre a sensualidade superficial e o romance intenso, advogado e cliente mergulham numa relação tempestuosa enquanto enfrentam criminosos e percorrem as ruas de Manhattan e as praias de um paraíso fiscal no Caribe a procura de pistas que comprovem um esquema de lavagem de dinheiro e corrupção. Nesta busca encontram as peças de um quebra--cabeça que revela segredos da vida pública brasileira. A investigação se transforma no “Dossiê Cayman” e acaba no Congresso Nacional na capital do Brasil.
Este jogo perigoso resulta numa reportagem que pode derrubar o Presidente da República e jogar na lama a reputação de políticos e nomes importantes no cenário brasileiro.

Santa Cruz das Sete Facas
Autor: Raphael Korn Adler
Páginas: 448
Gênero: Ficção

“Santa Cruz das sete facas” descreve com extrema crueza e paixão um panorama duro e desabusado do que teria sido a vida e a sociedade, da década que precede a Segunda Guerra Mundial até a primeira década deste século, de Santa Cruz das sete facas, como de milhares de outras pequenas cidades perdidas no interior do Brasil, com seus desmandos, sua corrupção, sua hipocrisia, suas mazelas, seus preconceitos e sua brutalidade. A personagem de Celeste, enganada por uma sociedade patriarcal, assombrada por um padre pedófilo, é fortíssima e dolorosa, como o são também aqueles que gravitam ao seu redor e que nos dão conta da frauda ética e moral que é o apanágio de todos os que viveram naqueles tempos.


Más línguas, boas conversas
Autora: Tânia Rei
Páginas: 152.
Gênero: Crônicas. 

Imagine que está sentado numa mesa de café com um grupo de amigos. Entre um trago e outro de bebida surge um assunto, aleatório e de senso comum, que é desenvolvido entre todos. Atiram ideias, expressam a sua opinião, e, inevitavelmente, riem.
No final, o Mundo não ficou melhor, não há conclusões arrebatadoras, não há certezas irrevogáveis. Apenas continua a haver uma mesa de café, que há-de albergar novos amigos, novas conversas, e novas visões sobre o que nos rodeia.
Assim é o conteúdo deste livro. Ao longo de quase três anos, Tânia Rei partilhou no Jornal Terra Quente e no informativo digital Notícias do Nordeste autênticas conversas de café, em devaneios que oscilam entre a crónica e o texto de opinião.
Puxe uma cadeira, e venha conversar.

Leonor
Autor: Pedro Sequeira de Carvalho
Páginas: 264
Gênero: Romance

Emanuel, um moço descontraído, inteligente e indiferente às questões religiosas, que levava a sua vida tranquila em S. Marçal. No entanto, certo dia o destino se encarregou de levá-lo a Vila de Bombom, onde conhecerá a Leonor, uma menina simples, estudante de enfermagem e muito religiosa.
Estaria também o destino disposto a unir duas almas que possuíam formas tão diferentes de ver o mundo e as coisas?
Juntaria o destino, o profano e a perfeita criatura de Deus?



Então, é isso gente. O que vocês acharam? Qual deles vocês leriam? Beijos


Um comentário:

  1. Olá Roberta!
    Curti mais o primeiro livro, A Reportagem, acho que ele deve ter uma pegada mais cheia de ação e paixão rsrsrs. Adoro livros assim ^^
    Bjos
    http://www.kelenvasconcelos.com.br/

    ResponderExcluir