15 junho 2016

Novidades: Chiado Editora | Junho de 2016.

Oi, gente. Tudo bem? Hoje, eu trouxe para vocês as novidades de Junho da Chiado Editora. Vamos conferir?

Misterius In Versus
Autor: A. T. Correia
Páginas: 230.

Eduardo, um pacato bibliotecário do arquivo público em Portugal, cai numa armadilha montada por membros de uma sociedade secreta e passa a ser alvo de chantagem, que o empele a uma busca por tesouros perdidos e mistérios inimagináveis.
Sua busca o leva a descobrir mensagens encripitadas numa das maiores obras da língua portuguesa: Os Lusíadas, de Camões. Seu caminho passa por templos, locais sagrados e destinos turísticos entre o velho continente e a cidade do Rio de Janeiro.



Dorri
Autor: Rafael Moreira da Silva.
Páginas: 414.

De dentro dos destroços desponta um rapaz todo de preto: capuz, luvas e botas, que a surpreende mais por ter sobrevivido àquela queda do que pela própria estranheza no fato de haver caído de algum lugar indefinido, suficientemente alto para ter causado tamanho estrondo. "Qual é o seu nome?", ela pergunta, mas a resposta de Shadow, como a que daria a todas as perguntas subseqüentes, seria invariavelmente a mesma: "Eu não me lembro...".
Com a ajuda de um velho erudito, Lenna e Shadow vão atrás de respostas. Enquanto buscam a identidade de Shadow se vêem metidos no meio de uma grande guerra no ponto de estouro; envolvendo experimentos secretos, criaturas com poderes sobrenaturais e grandes conspirações, tudo é mistério. E pior: o único auxílio possível está preso em vozes do passado, pergaminhos codificados em uma língua antiquíssima que quase ninguém mais sabe ao certo desvendar.
Esta língua se chama Dorri.

Nem Tanto ao Mar
Autor: Fernando J. R. Vaconcellos. 
Páginas: 462.

Revendo-se em inúmeros sentimentos partilhados pelas duas principais personagens, o autor de ‘Nem tanto ao mar…’ propõe-se escrever o seu primeiro livro pretendendo que o mesmo seja um verdadeiro estímulo para qualquer aspirante a escritor. Para o conseguir opta por escrever um romance e escolhe uma personagem do sexo feminino para o protagonizar encontrando desta forma o que considera a maneira mais apaixonante de o contar.
Nesse romance ela consegue cumprir um dos seus sonhos que é escrever o seu primeiro livro. Esse facto leva-a a fazer um passeio num cruzeiro que a obriga a passar por uma série de vivências que a podem tornar diferente.
Decorrerá então a viagem sem quaisquer incidentes? Conseguirá ela atingir os seus objectivos sem se desviar do que à partida considera mais importante? Não deixe de a acompanhar nesse cruzeiro… Viva as emoções até à última página, partindo em busca da tão ansiada resposta.

Mão Crua
Autora: Sílvia Gil. 
Páginas: 317. 

Lara é uma contabilista forense, independente e de vida regrada.
Ao aceitar um encontro às cegas com um desconhecido vê a sua vida alterar-se drasticamente ficando presa num mundo de sexo e vícios. Após um revés na empresa na qual trabalhava e sem meios financeiros para subsistir, vê-se forçada a entrar no mundo da Dominação Profissional. Apaixonada por um colega na Polícia fica numa posição vulnerável mas não consegue afastar-se dos prazeres proibidos.
Tudo corre bem até receber um pedido mais extremo... um submisso viciado em asfixia erótica quer ser deixado inconsciente... no limiar entre a vida e a morte!

Você viu algum erro nesta postagem?
Envie um e-mail para bloglivrosecores@gmail.com 


Nenhum comentário:

Postar um comentário