28 julho 2015

Resenha: Fury - Laurann Dohner. +18

Título: Fury
Série: Novas Espécies.
Autor: Laurann Dohner.
Editora: Universo dos Livros.
Páginas: 368.
Gênero: Romance adulto.
Skoob.

Ellie é uma enfermeira e fica horrorizada ao descobrir que a companhia farmacêutica para qual trabalha – as Indústrias Mercile – tem feito experimentos genéticos ilegais. Os cientistas combinaram DNA de humanos com o DNA de animais, criando uma nova espécie: seres humanos mais fortes e desenvolvidos. Um desses "experimentos", o prisioneiro 416, captura o coração de Ellie enquanto ela tenta salvá-lo.

Fury – como o 416 também é conhecido – nunca conheceu compaixão ou amor. Ele passou a vida inteira em uma cela, acorrentado e sofrendo abusos. Ellie, a única mulher em quem ele confiou, o traiu, e agora Fury está livre e à procura de vingança. O ex-prisioneiro jura acabar com a vida da enfermeira que o salvou, contudo, quando ela finalmente está em suas mãos, a única coisa que Fury não quer fazer com esta mulher pequenina e sexy é machucá-la.


Fury é o primeiro volume da série Novas Espécies, da autora Laurann Dohner. A série fala sobre uma nova raça, onde o DNA humano foi misturado ao DNA animal, resultando em humanos super fodásticos. Fury, um humano da Nova Espécie e Ellie, uma enfermeira, formam o nosso casal de protagonistas.

As indústrias Mercile são uma famosa rede farmacêutica, mas o que - quase - ninguém sabe é que essa companhia está realizando experimentos ilegais, misturando o DNA humano ao DNA animal, com a finalidade de criar humanos mais fortes para a guerra (qualquer guerra que aparecer). Ellie, uma enfermeira que trabalha nessa companhia, é chamada por um homem que conta toda a verdade para ela e pergunta se ela teria coragem de arriscar a vida para tentar coletar provas para libertar as Novas Espécies. Ellie, apavorada, aceita.

No subsolo da Mercile, Ellie conhece 416 (Fury), um Nova Espécie homem muito bonito. Ela vai vê-lo todos os dias, para coletar saliva, sangue e etc. E, diferente do que faz com outros que entram em sua cela, Fury nunca rosna para ela. Certo dia, observando Fury de uma sala, Ellie vê que um outro enfermeiro vai fazer maldades com 416. Então, Ellie entra na cela e faz algo para salvar a vida da Nova Espécie e ao mesmo tempo não ser descoberta pela Mercile. Esse ato confunde 416 e faz com que ele acredite que Ellie é tão má quanto todos os outros funcionários da empresa e querer vingança.

Algum tempo depois de Ellie ajudar a entregar a Mercile à justiça, ela é contratada para trabalhar em Homeland, um lugar que o governo doou para ser o novo lar das Novas Espécies resgatadas. Lá, ela encontra o 416, agora Fury, que está querendo se vingar, mas ao mesmo tempo, sente uma intensa atração por Ellie.

Não me deixe.  Não quero perdê-la. Não vou.

Entre brigas e beijos, Ellie e Fury revivem o passado e tentam fazer com que um futuro juntos seja possível. Ao mesmo tempo, do lado de fora de Homeland, a população humana se divide entre aqueles que são contra e aqueles que são a favor das Novas Espécies. O relacionamento de Ellie e Fury só vai por fogo na história.



Eu adoro romances sobrenaturais! Seja com lobisomens, vampiros ou outros seres. Assim que eu soube da Série Novas Espécies, fiquei enlouquecida para ler e comprei Fury no lançamento (o que raramente faço, pois sempre espero o preço baixar). Achei super criativa a ideia de uma nova espécie ser criada, mas também fiquei imaginando a forma como a autora escreveria isso. Será que ela saberia criar e explicar ao leitor essa nova espécie? Fazer com que o leitor apreciasse isso? Sim, ela soube. Ela criou todo um contexto para as NEs, diversas características que faz você acreditar e querer um NE pra você.

O Fury tem certa inocência que nos cativa. Imaginem que a vida toda ele ficou trancado em uma cela sem TV, internet ou qualquer outra coisa que o pusesse em contato com o mundo exterior. Então, tudo pra ele é novidade (assim como pras outras NEs), inclusive relacionamentos. A Ellie é uma mocinha determinada e corajosa e, vocês sabem, eu adoro mocinhas assim! Também gostei de vários outros personagens, principalmente Novas Espécies.

 Desculpe por tê-la deixado brava. Agora vamos fazer sexo de reconciliação. Ouvi dizer que é o melhor.

Esse é um livro adulto, erótico, com várias cenas mais hots. Então, se você não gosta dessas cenas, talvez não vá gostar tanto assim da obra.

Vocês devem estar se perguntando porquê eu dei cinco estrelas, mas não o coração. Não dei o coração porque o livro é grande demais e não precisava ser. A autora repete de mais, no início, a parte do Fury querer se vingar. Ellie tem que explicar mil vezes que ela só fingia trabalhar para a Mercile e que, na verdade, queria salvar o povo dele. Fora isso, Fury foi uma ótima leitura e eu super recomendo a quem gosta de romances mais adultos.

5 comentários:

  1. Gente, para tudo! Que livro demais. Já havia visto comentarem bastante sobre a nova série lançada pela Universo dos Livros mas nunca parei para ler a sinopse ou até mesmo uma resenha, e nossa preciso urgentemente desse livro em minha estante. Fico feliz que coisas novas estejam vindo para o Brasil, o livro já está adicionado a meta agora é te-lo para poder aproveitar. Enfim, parabéns pela resenha.

    Beijos,
    Yasmim
    miiheomundoliterario.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  2. Olá!

    Sabe que eu gostei dessa premissa só por ser hot e sobrenatural? Sim, eu gosto dessas distopias - que, se pararmos pra pensar não são tão distópicas assim, vai que um dia acontece... Gostei da sua resenha e já vou anotar esse título na minha lista!

    resenhaeoutrascoisas.blogspot.com

    ResponderExcluir
  3. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  4. Nossa, bem louca essa história :O Eu não sou muito ligada em romances hot mas adorei esse lance dos Novas espécies. Achei bacana, um lance meio x-men, meio distópico. Leria por esse motivo, nem tanto pelas cenas sexy ;)

    ResponderExcluir
  5. Oi, Roberta. Prazer..acabei de conhecer seu blog. xD
    Fiquei louca com pelo livro, desde o primeiro paragrafo da sua resenha (muito boa por sinal). Acabei de anotar na minha lista de a comprar. xD

    Assim como você, adoro livros com seres sobrenaturais...e uma ação com um belo romance sempre me atraia. Obrigada pela indicação e assim que ler te conto. :)

    bjoesss,

    www.papuff.com

    ResponderExcluir