28 fevereiro 2015

Primeiras impressões: A Mais Pura Verdade - Dan Gemeinhart.



Título: A Mais Pura Verdade - The Honest Truth.
Autor: Dan Gemeinhart.
Páginas: 224, mas na amostra são 95.
Editora: Novo Conceito.
Lançamento: 23 de março de 2015.

A Editora Novo Conceito enviou uma amostra do livro "A Mais Pura Verdade", de Dan Gemeinhart. É a primeira vez que recebo a amostra de um livro que ainda nem foi lançado, então achei muito boa a iniciativa da editora com aqueles que se inscreveram na seleção ara blogs parceiros.

A Mais Pura Verdade nos traz Mark, um menino de doze anos, que vive com os pais e tem uma melhor amiga chamada Jess e um cachorro chamado Beau. Sim, Mark tem câncer. Não, ele não está em casa choramingando pelos cantos. Ele decide fugir de casa e realizar um sonho: escalar uma montanha. 

Essas primeiras noventa e cinco páginas começam a nos mostrar o caminho que Mark percorre para atingir seu objetivo. Ele é um garoto esperto, consegue enfrentar algumas situações, porém em outras ele não se sai tão bem assim.

Do outro lado, vemos os pais de Mark sofrendo com a fuga do garoto, assim como a melhor amiga dele, que descobriu para onde ele foi, mas fica na dúvida entre contar para os pais dele ou deixar o amigo realizar o sonho.



O protagonista  é uma criança que sabe o que quer, mas não é aquele personagem forçado. Pensa em desistir quando algo atrapalha seu caminho, mas depois segue firme. E é isso que o faz um personagem forte: pensar em desistir. Ele não é aquela criança prodígio, que tem coragem de enfrentar tudo e todos. A coragem que ele tem é a coragem de um ser humano real. Ele é real! E esse foi o ponto que mais me chamou atenção.

Achei que o tema "protagonista doente" já estivesse batido para mim, mas foi ter o livreto em mãos, que percebi que esse livro tem tudo para ser uma ótima leitura. A narrativa do autor cativa, o protagonista é diferente, o livreto é lindo - imagina como será o livro inteiro! Então, sim, estou esperando o lançamento ansiosamente!

Agora, quem sabe uns quotes para deixar vocês com água na boca?


"Podia senti-lo tiquetaqueando na minha mão. Tique taque. [...] Isto é uma coisa que eu não entendo: por que as pessoas gostam de levar consigo uma coisa que as faz lembrar de que suas vidas estão indo embora?"

"A vida é um saco. Essa é a mais pura verdade. Mais uma coisa que eu não entendo: por que todo mundo sempre tenta fingir ser o que não é?"

"Isto é uma coisa que eu não entendo: por que desistir sempre parece bom até que você o faça?"

"Claro que eu estava sozinho. Mas eu tinha Beau ao meu lado. E um Beau valia mais que o mundo inteiro cheio de solidão."


Em todos os sentidos que interessam, Mark é uma criança normal. Ele tem um cachorro chamado Beau e uma grande amiga, Jessie. Ele gosta de fotografar e de escrever haicais em seu caderno. Seu sonho é um dia escalar uma montanha. Mas, em certo sentido um sentido muito importante , Mark não tem nada a ver com as outras crianças.Mark está doente. O tipo de doença que tem a ver com hospital. Tratamento. O tipo de doença da qual algumas pessoas nunca melhoram.Então, Mark foge. Ele sai de casa com sua máquina fotográfica, seu caderno, seu cachorro e um plano. Um plano para alcançar o topo do Monte Rainier.Nem que seja a última coisa que ele faça.“A Mais Pura Verdade” é uma história preciosa e surpreendente sobre grandes questões, pequenos momentos e uma jornada inacreditável.

10 comentários:

  1. Estou louca pra ler esse livro, sério! Vejo todo mundo comentando coisas muito positivas sobre ele e acho que vou adorar a leitura da minha amostra.

    http://laoliphant.com.br/

    ResponderExcluir
  2. Oi Roberta!

    Sabia que ia amar! Não tem como não amar o Mark, ele é tão simples e decidido. E ver todo o conflito a sua volta só dá mais força para a realidade conturbada que ele vive. Gostei que autor mostra que também há bondade, com foi no caso das cozinheiras. Também estou esperando ansiosa pelo lançamento.

    Bjos
    http://kelenvasconcelos.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  3. Olá!
    É a segunda vez que leio elogios a este livro, estou ficando curiosa!
    Achei a capa uma graça, mas eu também tenho o receio de estar saturada de protagonistas doentes. Vou esperar pela resenha completa para me decidir. =)
    Beijos,

    Priscilla
    http://infinitasvidas.wordpress.com

    ResponderExcluir
  4. Hey, Gladys!
    Eu também recebi, mas como são apenas os primeiros capítulos do livro e eu não tenho intenção de lê-lo, acabei deixando passar. Mas achei legal saber que você gostou. :)

    Beijo grande!

    www.oblogdasan.com

    ResponderExcluir
  5. ROBERTA!
    Mil perdões! Agora que vi minha gafe! Arreeeeee!
    Acabei de sair do blog da Gladys e fiquei com o nome dela na cabeçaaaaaa!
    Gente, que juízo.... O.O

    Desculpa mesmo! :/

    ResponderExcluir
  6. Olá,
    Não li ainda o livreto porque realmente não acho interessante iniciar a leitura e ter que parar na melhor parte, e, tendo em vista que não renovei com a editora, não faço a mínima ideia de quando teria o livro em mãos na íntegra.
    Beijos.
    Memórias de Leitura - http://memorias-de-leitura.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  7. Oiee

    O livro tem tudo para agradar espero poder ler em breve, também não li o livreto pois pretendo ler inteiro de uma vez só .

    Beijos

    www.livrosechocolatequente.com.br

    ResponderExcluir
  8. Que iniciativa bacana da editora! Pena que são apenas 95 páginas, né? Quando acaba deve dar uma baita curiosidade para ler o restante! hahaa
    Não gosto muito de livros com personagens doentes...eu me apego demais e, na maioria das vezes, o personagem morre! Eu fiquei mal quando li "Como Eu Era Antes de Você"! hahahahah
    Comecei a seguir o blog! =)

    Beijo

    www.meuepilogo.com

    ResponderExcluir
  9. Olá!

    Eu também recebi e resenhei essa obra. Gostei do livro e já estou aguardando o lançamento!

    resenhaeoutrascoisas.blogspot.com

    ResponderExcluir