Resenha: Perdão, Leonard Peacock - Matthew Quick

18 setembro 2014


Título: Perdão, Leonard Peacock.
Autor: Matthew Quick.
Editora: Intrínseca.
Páginas: 222.
Classificação: 4/5.

Se você é tedioso, legal e normal – como eu costumava ser – certamente não vai se sair bem nas aulas de arte do colégio e será um artista medíocre na vida.[...] Daí, a chave é fazer algo que marque você para sempre na memória das pessoas comuns. Algo que importe.”

Leonard Peacock é um aluno comum do ensino médio, mas ele tem planos para mudar essa realidade. No dia de seu aniversário, Leonard tem uma lista de coisas a fazer, de pessoas das quais se despedir. 
Leonard Peacock irá se matar. Isso depois que matar seu colega de classe, Asher Beal.
Tudo está bem planejado. Ele tomará seu café da manhã, deixará uma lembrancinha para sua mãe, que nunca se importou com ele, se despedirá das pessoas queridas e, finalmente, dará outra vez uma “utilidade” à pistola nazista que herdou.


Primeiramente, eu gostaria de fazer um aviso: não, o livro não está sujo. A capa é assim mesmo. Sei lá, talvez eu não seja a única que cai nessa, então é sempre bom avisar.

Em geral, os conflitos pelos quais Leonard passa não são muito diferentes dos da maioria dos personagens fictícios com tendências suicidas de outras histórias. O que realmente chama atenção é a forma introspectiva como ele a conta para o leitor. Lentamente, e sempre com uma opinião crítica em relação à sociedade, Leonard vai nos revelando cada vez mais sobre sua vida e os motivos que o levaram a querer tomar o caminho do suicídio.

A forma dramática com a qual a história é narrada, incrementada por dosagens muito bem feitas de humor negro, provavelmente colocará até o mais conformado dos leitores a questionar o “funcionamento” da sociedade em que vivemos, e talvez até mesmo a se identificar com o perturbado e comovente narrador da história.

Embora a história seja extremamente focada em Leonard, achei os outros personagens bem trabalhados, ao ponto em que achei uma pena que eles não tenham sido mais explorados durante o decorrer da trama. Até mesmo Asher, que para mim foi o personagem que mais teve influência sobre Leonard durante toda a trama, não teve muito espaço no livro, e acabou tendo suas aparições resumidas a alguns poucos flashbacks. Ainda assim, não tem como negar que foi o bastante para entendermos a influência que ele teve na vida de nosso protagonista.

Para mim, "Perdão, Leonard Peacock" é um livro para se ler quando estiver à procura de algo diferente. O segredo é abrir a mente, e não criar expectativas. Com certeza valerá o tempo gasto.

20 comentários:

  1. Olá
    Esse livro é mt bom, e como vc disse, diferente, achei bem interessante a tematica que o autor retratou e tudo mais, mt legal mesmo e espero ler mais livros assim haha.
    Adorei a resenha.

    BEIJOS
    http://realityofbooks.blogspot.com.br/2014/09/resenha-eu-e-voce-ali-cronin.html

    ResponderExcluir
  2. Olá! :D

    Primeiramente, também achei que o livro estava sujo quando vi na livraria, rs. Mas ai vi que todos os exemplares estavam assim, o que é bem estranho. Mas enfim.
    Sempre quis ler algo do Matthew, e queria muito começar com este. Não sei dizer se a sua resenha me deixou mais animada ou desanimada para a leitura, rs. Acho que foi um meio termo. Esperava que o livro fosse melhor :/
    Mas adorei a resenha :D

    Beijos,
    Ana M.
    www.vicioemlivros.com

    ResponderExcluir
  3. Olá querida tudo bem?
    já tinha lido uma resenha negativa desse livro. mas nossa, a sua resenha me chamou a atenção de um jeeeito.
    parece ser um livro que aborda conflitos intensos e bem estruturados, além de ser um tema que está em foco atualmente não é mesmo?
    confesso que minha curiosidade não é tanta, aponto de ir comprar JÁ. mas quem sabe em um futuro próximo? :)

    Um beeijo Lara.
    Blog Meus Mundos no Mundo | | Página Coração Furta-Cor

    ResponderExcluir
  4. Olá, tudo bem?
    Não conhecia quase nada da historia e agora fiquei bem interessado. Me deu a impressão de parecer um pouco com os 13 porquês.
    Ótima resenha
    Beijos

    http://os-jovens-leitores.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  5. Eu li e gostei. Claro que esperava um pouco mais do livro mas realmente entendi a questão da história. Uma questão bastante dolorida para o personagem e isso é complicado porque em certos momentos ele não sabia oque realmente estava acontecendo mas sentia agredido até que resolveu dar um fim a tudo. Vale a pena a leitura.

    Beijos

    Greice Negrini

    Blogando Livros
    www.amigasemulheres.com

    ResponderExcluir
  6. Eu não consegui ler O Lado Bom Da Vida do autor, acho que pelo o estilo.
    Gostei da resenha, mesmo que ache que a narrativa vai me incomodar um pouco.

    http://penelopeetelemaco.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  7. Já tinha lido uma resenha desse livro antes, e ele parece incrível! Ansiosa para poder lê-lo. Ótima resenha.

    The Lord of Thrones

    ResponderExcluir
  8. Oiii. Esse livro esta na minha lista de leituras ha um tempao. Mas ainda n tive tempo para ele. A sua resenha me deixou com mais vontade ainda de conhecer o q esta por tras desse personagem. Beijoooos
    http://profissao-escritor.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  9. Oi, Roberta! Tudo bem?
    Eu nunca li nada desse autor, mas assisti à adaptação de O Lado Bom da Vida.
    Vou te dizer que essa sinopse me chamou muito mais a atenção do que o anterior. Acho que nunca li nada com essa temática e, considerando sua dica final, sobre manter a mente aberta e sem muitas expectativas, acho que seria um livro que eu adicionaria à minha lista!
    Beijos,

    Priscilla
    http://infinitasvidas.wordpress.com

    ResponderExcluir
  10. Oi Roberta, tudo bem?
    Nunca li nada desse autor, mas assisti à adaptação de O Lado Bom da Vida. Devo dizer que Perdão, Leonardo Peacock me chamou bem mais a atenção do que o primeiro. Nunca li nada com essa temática e me pareceu muito interessante, ainda mais considerando sua última dica sobre mente aberta e expectativas! Certamente leria. =)
    Beijos,

    Priscilla
    http://infinitasvidas.wordpress.com

    ResponderExcluir
  11. Oi Roberta, tudo bem?

    Nunca li nada desse autor, mas assisti à adaptação de O Lado Bom da Vida. Devo dizer que Perdão, Leonardo Peacock me chamou bem mais a atenção do que o primeiro. Nunca li nada com essa temática e me pareceu muito interessante, ainda mais considerando sua última dica sobre mente aberta e expectativas! Certamente leria. =)
    Beijos,

    Priscilla
    http://infinitasvidas.wordpress.com

    ResponderExcluir
  12. Oi Roberta, tudo bem?
    Gostei bastante da sua resenha! Já conhecia esse livro através de outras resenhas e as pessoas sempre o elogiam.
    O livro tem um tema bem diferente e bem tenso também, acredito que devemos realmente lê-lo com a mente aberta e no momento certo, para que possamos aproveitar bem essa leitura.

    Beijo ;*
    http://www.livrosesonhos.com/

    ResponderExcluir
  13. o livro parece ser mt bom, se fosse pela capa eu não leria kk'

    byanak.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  14. Adorei a resenha, Roberta.
    Já tinha visto o livro, mas confesso que não sabia quase nada sobre ele.
    Jamais imaginaria a temática da história, e fiquei um pouco curiosa com a sua resenha.
    Com vontade de saber a quais reflexões ele nos leva e também com vontade de saber o desfecho, rs!
    Beijinhos ♥

    Thati;
    http://nemteconto.org

    O livro "Feita de fumaça e osso" está sendo sorteado no blog. Vem participar!

    ResponderExcluir
  15. Eu já li esse livro, gostei bastante, uma história que nunca esquecerei.
    Gostei da sua resenha.
    petalasdeliberdade.blogspot.com

    ResponderExcluir
  16. Olá!

    Estou com muita vontade de ler este livro, assim como O Lado bom da Vida. Mas ele ainda não está no topo da m,minha lista, tem muitos (muuuuitos) livros na frente e sempre aparecem aqueles que furam a fila XD

    http://refugiorustico.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  17. Oii, tudo bem?
    Eu sempre tenho muita vontade de comprar esse livro, sempre que esta na promoção eu penso em compra-lo mas acabo sempre deixando para próxima, infelizmente esse mês eu não vou poder realizar nenhuma compra, por questões de grana, mas ele já se encontra na minha lista de desejados com certeza.

    http://fonte-da-leitura.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  18. Já é a segunda resenha que leio hoje com a temática suicídio - não me lembro o nome do outro livro. O assunto muito me interessa por ter perdido uma pessoa da família dessa maneira. Achei essa capa incrível.

    Beijos,
    Nina & Suas Letras

    ResponderExcluir
  19. Oi, Roberta!
    Não fazia ideia do assunto que esse livro abordava, tanto que já conhecia ele e nunca tinha parado nem pra ler a sinopse. Gostei bastante da resenha, e acho que de alguma forma deve ser um livro forte, então pretendo sim fazer a leitura também.

    Beijos,
    Fer - http://viciosemtres.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  20. Oie,
    já tinha visto o livro por aí, mas ele não faz muito meu estilo de leitura

    bjos

    http://blog.vanessasueroz.com.br

    ResponderExcluir